Dona Domingas, 67 anos, nunca teve certidão de nascimento

51

Dona Domingas nunca teve certidão de nascimento. Quando criança morou numa região ribeirinha de Bragança, interior do Pará, mas somente agora, aos 67 anos, decidiu procurar a Defensoria Pública para fazer valer seus direitos como cidadã.

Na Defensoria Pública, ela foi atendida pela Dra. Luciana Filizzola Bringel, que recolheu todas as informações necessárias para assim então fazer uma busca nos cartórios de registros da capital e região metropolitana.

Quer saber como terminou essa história? Clique aqui e confira o vídeo.